Noslen olebaR literatura, poesia, crônica e contos

Insisto em escrever porque é fazendo que se aprende.

Poesia por acaso

Sem inspiração estou agora.

Tento atiçar a imaginação mas ela demora.

Não consigo pensar em algo que faça rimas.

É como querer acertar o alvo com a flecha apontada para cima.

Não acho um bom assunto que se organize bem em versos.

Mesmo sabendo que no mundo há mil assuntos diversos.

Que coisa chata, não consigo imaginar.

Isso quase me mata, porque é horrível não poder pensar.

Mas espere um momento, mesmo não tendo um tema, se estas frases vou relendo, vejo que é um poema!

Clarice Pacheco.

Textos

A SOLICITUDE DE DEUS PELO HOMEM
O HOMEM NO ÉDEN

Podemos ver a solicitude de Deus pelo homem nos seguintes fatos:

Gênesis 2:4 – 25;
4 - Estas são as origens dos céus e da terra, quando foram criados; no dia em que o Senhor Deus fez a terra e os céus,
5 - E toda a planta do campo que ainda não estava na terra, e toda a erva do campo que ainda não brotava; porque ainda o Senhor Deus não tinha feito chover sobre a terra, e não havia homem para lavrar a terra.
6 - Um vapor, porém, subia da terra, e regava toda a face da terra.
7 - E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra, e soprou em suas narinas o fôlego da vida; e o homem foi feito alma vivente.
8 - E plantou o Senhor Deus um jardim no Éden, do lado oriental; e pôs ali o homem que tinha formado.
9 - E o Senhor Deus fez brotar da terra toda a árvore agradável à vista, e boa para comida; e a árvore da vida no meio do jardim, e a árvore do conhecimento do bem e do mal.
10 - E saía um rio do Éden para regar o jardim; e dali se dividia e se tornava em quatro braços.
11 - O nome do primeiro é Pisom; este é o que rodeia toda a terra de Havilá, onde há ouro.
12 - E o ouro dessa terra é bom; ali há o bdélio, e a pedra sardônica.
13 - E o nome do segundo rio é Giom; este é o que rodeia toda a terra de Cuxe.
14 - E o nome do terceiro rio é Tigre; este é o que vai para o lado oriental da Assíria; e o quarto rio é o Eufrates.
15 - E tomou o Senhor Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar.
16 - E ordenou o Senhor Deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente,
17 - Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás.
18 - E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele.
19 - Havendo, pois, o Senhor Deus formado da terra todo o animal do campo, e toda a ave dos céus, os trouxe a Adão, para este ver como lhes chamaria; e tudo o que Adão chamou a toda a alma vivente, isso foi o seu nome.
20 - E Adão pôs os nomes a todo o gado, e às aves dos céus, e a todo o animal do campo; mas para o homem não se achava ajudadora idônea.
21 - Então o Senhor Deus fez cair um sono pesado sobre Adão, e este adormeceu; e tomou uma das suas costelas, e cerrou a carne em seu lugar;
22 - E da costela que o Senhor Deus tomou do homem, formou uma mulher, e trouxe-a a Adão.
23 - E disse Adão: Esta é agora osso dos meus ossos, e carne da minha carne; esta será chamada mulher, porquanto do homem foi tomada.
24 - Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne.
25 - E ambos estavam nus, o homem e a sua mulher; e não se envergonhavam.

a) Colocou-o no jardim do Éden (delícia ou paraíso), um ambiente agradável, protegido e bem regado. O jardim estava situado entre os rios Hidéquel (Tigre) e  Eufrates, numa área que provavelmente corresponde à região de Babilônia, próxima do Golfo Pérsico. Deus deu a Adão trabalho para fazer, a fim de que não se entediasse. Há quem pense que o trabalho é parte da maldição, porém a Bíblia não ensina tal coisa; ensina, sim, que a maldição transformou o trabalho bom em algo infrutuoso e com fadiga.

b) Deus proveu a Adão de uma companheira idônea, instituindo assim o matrimônio. Neste capítulo encontra-se, em forma embrionária, o ensino mais avançado dessa relação. O propósito primordial do matrimônio é proporcionar  companheirismo e ajuda mútua:
Gênesis 2:18 - E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea [semelhante ou adequada] para ele.

O homem deve ser monógamo, pois Deus criou uma só mulher para o homem; deve ser exclusivista, porque "deixará o varão o seu pai e a sua mãe"; deve ser uma união estreita e  indissolúvel: "apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne". Deus, em sua infinita sabedoria, instituiu o lar para formar um ambiente ideal em que os filhos  possam ser criados cabalmente em todos os aspectos: física, social e espiritualmente.

Ensina-se a igualdade e dependência mútua dos sexos.

I Coríntios 11:11 – Todavia, nem o homem é sem a mulher, nem a mulher sem o homem, no Senhor.

Um não é completo sem o outro.
Observe que a mulher não foi formada da cabeça do homem, para que não exerça domínio sobre ele; nem de seus pés, para que não seja pisada, mas de seu lado, para ser igual a ele, e de perto de seu coração, para ser amada por ele. A mulher deve ser uma companheira que compartilhe a responsabilidade de seu marido, reaja com compreensão e amor à natureza dele, e colabore com ele para levar a cabo os planos de Deus.

c) Deus concedeu a Adão ampla inteligência, pois ele podia dar nomes a todos os animais. Isto demonstra o fato de que tinha poderes de percepção para compreender suas características.

d) Deus mantinha comunhão com o homem;

Gênesis 3:8 – E ouviram a voz do Senhor Deus, que passeava no jardim pela viração do dia; e esconderam-se Adão e sua mulher da presença do Senhor Deus, entre as árvores do jardim.

E assim o homem podia cumprir seu mais elevado fim. Possivelmente Deus tomava a forma de um anjo para andar no jardim com o primeiro casal. A essência da vida eterna consiste em conhecer pessoalmente a Deus;

João 17:3 - E a vida eterna é esta: que te conheçam, a ti só, por único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste.

E o privilégio mais glorioso desse conhecimento é desfrutar da comunhão com ele.

e) Deus pôs o casal à prova quanto à árvore da ciência do bem e do mal. Mas, em que forma isto nos revela que Deus tinha solicitude pelos primeiros homens? Para os filhos de Deus as provas são oportunidades de demonstrar-lhe amor, obedecendo a ele. Também constituem um meio de desenvolver seu caráter e santidade. Adão e Eva foram criados inocentes, porém a santidade é mais do que a inocência: é a pureza mantida na hora da tentação.

A essência da vida eterna consiste em conhecer pessoalmente a Deus; E o privilégio mais glorioso desse conhecimento é desfrutar da comunhão com ele.

Glória a Deus , Amém Senhor. - NRS31122017
NOSLEN OLEBAR
Enviado por NOSLEN OLEBAR em 22/08/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras